Secretaria de Saúde realiza, na quinta (1°), caminhada de conscientização de combate ao câncer de mama e de próstata

136

Prevenção é o melhor remédio, afirma secretária de Saúde

Por Kleber Luiz

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Santo Antônio do Descoberto realiza, na manhã de quinta-feira(1°/Nov), uma caminhada de conscientização de encerramento da campanha de Prevenção ao Câncer de Mama e, início da Campanha Novembro Azul – Prevenção ao Câncer de Próstata. A concentração está previsto para às 09 horas, com concentração na Igrejinha, situada na entrada do município, com finalização do percurso, no Santuário da Igreja Matriz.

A secretária Municipal de Saúde, Maria Joseanny do Nascimento Aquino, explica a fusão das duas campanhas de prevenção ao câncer. “A Caminhada será como forma de encerrar o outubro Rosa e inicia o novembro azul, através dela tentaremos conscientizar a população, o quanto e simples se previnir. Tanto o câncer de mama quanto o câncer de próstata, se diagnosticado precocemente, a chance de cura é alta.”, disse Joseanny.

Cancer de Mama

De acordo com Joseanny, “O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, respondendo por 28% dos casos novos a cada ano. É o segundo tipo mais frequente no mundo.”

Para a secretária de Saúde, prevenir o câncer de mama é extremamente simples pois “basta, uma vez por mês, realizar o auto exame das mamas e se perceber algum caroço, ela deve ir a unidade de saúde para consultar um médico.”.

Câncer de próstata

Segundo Joseanny, o câncer de próstata é considerado o segundo mais comum na população masculina em todo o mundo. Em geral é diagnosticado em homens acima dos 65 anos e, em menos de 1% dos casos, são diagnosticados em homens abaixo dos 50 anos.

Ainda de acordo com a secretária, “Com o aumento da expectativa de vida mundial, é esperado que o número de casos novos de câncer de próstata aumente cerca de 60%.”.

Para Joseanny, no caso dos homens, o grande problema ainda é o preconceito. “Os homens têm que deixar o preconceito de lado e, aqueles acima de 50 anos, devem realizar o exame, ao menos uma vez por a cada ano. Hoje, o exame pode ser por toque retal, laboratorial, conhecido como  dosagem do PSA, e há situações que devem ser feito os dois casos.”, explicou.